MOTELX On tour: Curtas de terror portugueses

23.11.2018 a 25.11.2018

Tradicional evento dedicado ao cinema fantástico, o MOTELX - Festival Internacional de Cinema de Terror de Lisboa chega a São Paulo com a exibição de dois programas na Cinemateca Brasileira.

O MOTELX é um festival que promove o gênero do terror produzido internacionalmente e estimula a produção de filmes de terror portugueses há 10 anos. Ao longo dos anos, tem conquistado um posicionamento relevante no circuito internacional de festivais de cinema de gênero, tornando-se um dos eventos culturais mais esperados e destacados do ano em Lisboa. Em 2018, realizou-se a 12ª edição do festival em Portugal.

Movimento iniciado pelos organizadores do festival, o MOTELX se expande em uma itinerância internacional desde 2017, passando por diferentes cidades de diversos países. O primeiro programa traz as mais recentes produções portuguesas do gênero que passaram no festival. O segundo programa é uma seleção dos filmes que passaram pelo Prêmio MOTELX – Melhor Curta de Terror Português.

Toda a programação tem entrada gratuita. Os ingressos serão distribuídos na bilheteria uma hora antes de cada sessão, sujeito à lotação da sala.

Programa I
Sinopse:

A estranha casa na bruma, de Guilherme Daniel

Portugal, 2018, digital, cor, 15’ | Com: Daniel Viana, Carlos Fartura

Um peregrino perdido encontra uma estranha casa à beira do abismo e o seu misterioso ocupante.

 

Coração revelador, de São José Correia

Portugal, 2018, digital, cor, 10’ | Com: Rui Neto e Marques d’Arede

Um homem cuida de outro homem. Um é jovem, o outro é velho. O jovem é louco, o velho é a vítima. Quando o mal vive dentro de ti, o mundo inteiro não te deixa dormir.

 

A instalação do medo, de Ricardo Leite

Portugal, 2016, digital, cor, 14’ | Com: Margarida Moreira, Nuno Janeiro, Cândido Ferreira

A Mulher abre a porta de casa. Aparecem dois homens: “Bom dia, minha senhora. Viemos para instalar o medo”.

 

The Bad Girl, de Ricardo Machado

Portugal, 2015, digital, cor, 14’ | Com: Sílvia Filipe

Uma mulher de alma perdida se confessadepois de assistir ao fenômeno milagroso de uma estátua que chora lágrimas de sangue.

 

Thursday Night, de Gonçalo Almeida

Portugal, 2017, digital, cor, 8’ | Com: Bimbo

Durante a noite, um estranho presta uma visita a Bimbo para lhe entregar umamensagem importante.


Direção:
Ano de Produção:
Cromia:
Duração:
Formato de Exibição:
Formato Original:
Título Original:
País de Origem: Portugal
Elenco:




Ano de Produção:
Cromia:
Direção:
Duração:
Formato de Exibição:
Formato Original:
Título Original:
País de Origem: Portugal
23.11.2018
sexta-feira | SALA BNDES | 19:30




25.11.2018
domingo | SALA BNDES | 20:00




Programa II
Sinopse:

A tua platéia, de Óscar Faria

Portugal, 2015, digital, cor, 9’ | Com: Miguel Damião

O interior de Portugal está cada dia mais isolado e abandonado. Um homem misterioso segue por estradas vazias recolhendo pedras, paus e vítimas. O que é que ele constrói?

 

Andlit, de João Teixeira Figueira

Portugal, 2014, digital, cor, 5’ |

Um robô vive sozinho num edifício abandonado, estudando a vida humana por um catálogo de pinturas e fingindo que bebe chá em companhia imaginária. É quando uma mulher e o seu filho recém-nascido ali se refugiam que o robô terá de aprender a lidar com humanos.

 

Depois do silêncio, de Guilherme Daniel

Portugal, 2017, digital, cor, 15’ | Com: Agata Pinho, Daniel Viana

Uma mulher desolada esforça-se para aceitar a inesperada morte do marido, mas é confrontada com o recorrente retorno dele ao mundo dos vivos.

 

Maria, de Joana Viegas Portugal, 2014, digital, cor, 23’ | Com: Victor Gonçalves, Pedro Diogo e Mariana Santos

Quando sua esposa morre durante o parto, Arsênio recorre a um ritual profano na esperança de ter a filha que ele nunca conheceu.

 

Miss Mishima, de Pedro Rocha

Portugal, 2011, digital, cor, 14’ | Com: Sara Filipa Reis, Pedro Rocha, Júlio Alves

“Miss Mishima” é um filme sobre o amor e a morte, que pretende explorar a ambiguidade das sensações, explorar os limites entre o prazer e a dor; sobre a morte como derradeiro fetiche e sobre o suicídio ritual Seppuku.

 

Nico – A revolta, de Paulo Araújo

Portugal, 2013, digital, cor, 8’ | Com: Isabel Feliciano, Fábio Timor, José Barros

1974, ano da Revolução dos Cravos. Alguém bate à porta e entrega um maço de notas de mil escudos ao dono da casa em troca de um serviço.

 

Papá Wrestling, de Fernando Alle

Portugal, 2009, digital, cor, 9’ | Com: Clemente Santos, Bruno Silva, Fernando Miguel, Miguel de Freitas

Quando os bagunceiros da escola roubam a lancheira do seu filho, um Wrestler aposentado parte numa vingança pessoal para recuperar o objeto roubado e restituir a justiça à escola.

 

Sangue frio, de Patrick Mendes

Portugal, 2009, digital, cor, 14’ |

Uma mulher chega a um velho silo e acaba por se envolver numa relação obsessiva com um espantalho.


Direção:
Ano de Produção:
Cromia:
Duração:
Formato de Exibição:
Formato Original:
Título Original:
País de Origem: Portugal
Elenco:




Ano de Produção:
Cromia:
Direção:
Duração:
Formato de Exibição:
Formato Original:
Título Original:
País de Origem: Portugal
23.11.2018
sexta-feira | SALA BNDES | 21:00




25.11.2018
domingo | SALA BNDES | 18:00